Delicie-se com Chocolates

Em trânsito na auto-estrada, paro para atestar. À saída da loja da área de serviço, deparo-me com a montra de revistas.

areadeservicow

Dizia já Warburg que a decifração da realidade se devia fazer não por via dos objectos, mas por via das suas relações: a presença que ausculta o espaço escuro, insinuante, entre imagens.

Não venho discutir candidatos nem ideologias (sendo que estas desembocaram no supremo passe de magia de encenarem a sua ausência, e desta forma se nos imporem além da escolha); venho sim observar que, em 2016, a vitória nunca se degladiará no território da ideologia, nem da mitologia, nem dos factos, nem sequer do carácter: ela ocorrerá por simples sobre-exposição, por diluição homeopática da personagem entre slogans inter-mutáveis de alucinação quotidiana.

marceloswfinal

Advertisements